Corpo traes nho

Esta bandeira foi impressa a partir de uma tela de serigrafia produzida manualmente pela artiste Matheusa Passareli numa oficina realizada pelo coletivo argentino Serigrafistas Queer dentro da programação da exposição Histórias da Sexualidade, realizada no Masp, São Paulo, em janeiro de 2018. Matheusa foi assassinada no Rio de Janeiro, aos 21 anos, em abril de 2018.

autoria

Matheusa Passareli

Data

Janeiro de 2018

Local

Brasil

Tema

LGBTQIA+

Tipo

bandeira

Descritivo

Impressão serigráfica sobre tecido / 35 x 28cm

Direito autoral

Todos os direitos reservados