Eu paro pelo fim do feminicídio

Cartazes criados para fomentar a Greve Internacional de Mulheres no Brasil, em sua primeira edição.

autoria

Deia Kulpas

Data

08 de Março de 2017

Data de luta

8 de Março - Dia Internacional da Mulher

Local

Porto Alegre, RS, Brasil

Tema

feminismo, gênero, lesbo/trans/feminicídio

Tipo

cartaz

Descritivo

Impressão digital sobre papel / A4

Direito autoral

Todos os direitos reservados